Em breve, na minha estante #01 - 2018

0
COM


Não, algumas coisas não mudam... claro que me controlei, não sou mais a Becky Bloom dos livros, mas ainda gosto de tê-los em minha estante, por mais que ame ler no Kindle. 
Com a assinatura do Leiturinha, garanto os livros do meu pequeno Eric, que já é um leitor viciado... (precisamos ficar quase um mês fora por causa do meu trabalho e quando chegamos ele correu pra estante), com as mystery boxes, garanto alguns pra mim com os mimos literários que tanto queria e não conseguia em minha cidade. Maaaas, a vontade de receber caixas e mais caixas com dezenas de livros continua coçando em meu juízo todo mês, e o esforço pra não cair na tentação é digno de um deus mitológico. Abaixo, alguns dos que pretendo adquirir em breve (quase todos por ser apaixonada pelas autoras).


É Assim Que Acaba
 Um romance sobre a força necessária para fazer as escolhas corretas nas situações mais difíceis. Da autora das séries Slammed e Hopeless.



Lily nem sempre teve uma vida fácil, mas isso nunca a impediu de trabalhar arduamente para conquistar a vida tão sonhada. Ela percorreu um longo caminho desde a infância, em uma cidadezinha no Maine: se formou em marketing, mudou para Boston e abriu a própria loja. Então, quando se sente atraída por um lindo neurocirurgião chamado Ryle Kincaid, tudo parece perfeito demais para ser verdade. Ryle é confiante, teimoso, talvez até um pouco arrogante. Ele também é sensível, brilhante e se sente atraído por Lily. Porém, sua grande aversão a relacionamentos é perturbadora. Além de estar sobrecarregada com as questões sobre seu novo relacionamento, Lily não consegue tirar Atlas Corrigan da cabeça — seu primeiro amor e a ligação com o passado que ela deixou para trás. Ele era seu protetor, alguém com quem tinha grande afinidade. Quando Atlas reaparece de repente, tudo que Lily construiu com Ryle fica em risco. Com um livro ousado e extremamente pessoal, Colleen Hoover conta uma história arrasadora, mas também inovadora, que não tem medo de discutir temas como abuso e violência doméstica. Uma narrativa inesquecível sobre um amor que custa caro demais.


Espero Por Você
 Algumas coisas valem a pena esperar. Algumas coisas valem a pena experimentar. Algumas coisas não devem ser mantidas em silêncio. E, por algumas coisas, vale a pena lutar. Avery Morgansten precisa fugir. Ir para uma faculdade a centenas de quilômetros de casa foi a única forma que encontrou para esquecer o acontecimento fatídico que, cinco anos antes, mudara a sua vida para sempre. O que não estava em seus planos era atrair a atenção do único rapaz que pode mudar totalmente a rota do futuro que Avery está tentando construir. Cameron Hamilton tem um metro e noventa de altura, impressionantes olhos azuis e uma habilidade notável para fazer com que Avery deseje coisas que ela acreditava terem sido roubadas irrevogavelmente dela. Envolver-se com ele é perigoso. No entanto, ignorar a tensão entre eles — e despertar um lado dela que nunca soube que existia — é impossível. Até onde ela estará disposta a ir e o que fará para esquecer o passado e viver aquela relação intensa e apaixonada, que ameaça ruir todas as suas certezas e fazê-la conhecer um mundo de sensações que julgava estar negadas para sempre?


DangeRock
 Eve McGannon lidera a banda DangeRock desde adolescente. Sua voz atrai multidões como um ímã, da mesma forma que sua timidez a impede de confessar seu amor eterno por Brandon Conwell, o guitarrista e amigo de infância que sempre esteve ao seu lado, mas sem nunca percebê-la como mulher. Quando a banda recebe uma proposta irrecusável, o grupo unido se vê imerso em um turbilhão de sucesso absoluto e suas complicações. Isso inclui um astro musical que desperta um poderoso sentimento de ciúmes em Brandon, ao mesmo tempo em que tenta fazer Eve abandonar suas desilusões e ir em busca de novos sonhos. Eles aprenderão que o coração comanda todos os atos dentro e fora do palco. Basta apenas que sigam os sentimentos através das melodias que eles mesmos entoam.





Olá, Adeus e Tudo Mais
 Um romance divertido e emocionante, que explora as escolhas difíceis que surgem quando a vida e o amor conduzem a direções opostas. Ir para a faculdade é um momento emocionante e aterrorizante ao mesmo tempo. Ainda mais se você estiver em um relacionamento em que não tem certeza de seu próximo passo. Clare e Aidan têm apenas uma coisa a fazer na noite antes de partirem para a faculdade: descobrir se devem continuar namorando ou terminar. Ao longo de doze horas, eles irão refazer os passos do relacionamento, na tentativa de descobrir algo no passado que possa ajudá-los a decidir sobre o futuro. A noite os leva a amigos e familiares, marcos simbólicos e lugares inesperados, verdades dolorosas e revelações surpreendentes. Mas, conforme as horas passam e a manhã se aproxima, chega o momento inevitável do adeus. A questão é será um adeus momentâneo ou para sempre?






Minha Vida (Não Tão) Perfeita
Dramas, confusões e uma boa dose de amor são os ingredientes do novo romance de Sophie Kinsella. Uma divertida crítica aos julgamentos errados que uma boa foto no Instagram pode gerar. Cat Brenner tem uma vida perfeita mora num flat em Londres, tem um emprego glamoroso e um perfil supercool no Instagram. Ah, ok... Não é bem assim... Seu flat tem um quarto minúsculo sem espaço nem para guarda-roupa , seu trabalho numa agência de publicidade é burocrático e chato, e a vida que compartilha no Instagram não reflete exatamente a realidade. E seu nome verdadeiro nem é Cat, é Katie. Mas um dia seus sonhos se tornarão realidade. Bom, é nisso que ela acredita até que, de repente, sua vida não tão perfeita desmorona. Demeter, sua chefe bem-sucedida, a demite. Tudo o que Katie sempre sonhou vai por água abaixo, e ela resolve dar um tempo na casa da família, em Somerset. Em sua cidadezinha natal, ela decide ajudar o pai e a madrasta com a nova empreitada do casal: os dois planejam transformar a fazenda da família em um glamping, uma espécie de camping de luxo e estão muito empolgados com o novo negócio, mas não sabem muito bem por onde começar. E não é justamente lá que o destino coloca Katie e sua ex-chefe cara a cara de novo? Demeter e a família vão passar as férias no glamping, e Katie tem a chance de, enfim, colocar aquela megera no seu devido lugar. Mas será que ela deve mesmo se vingar da pessoa que arruinou sua vida? Ou apenas tentar recuperar seu emprego? Demeter - a executiva que tem tudo a seus pés - possui mesmo uma vida tão perfeita, ou quem sabe, as duas têm mais em comum do que imaginam? Por que, pensando bem, o que há de errado em não ter uma vida (não tão) perfeita assim?

Infinito + Um
Quando duas pessoas se tornam aliadas improváveis e foras da lei quase sem querer, como podem vencer todos os desafios?



Bonnie Rae Shelby é uma estrela da música. Ela é rica, linda e incrivelmente famosa. E quer morrer.
Finn Clyde é um zé-ninguém. Ele é sensível, brilhante e absurdamente cínico. E tudo o que ele quer é uma chance na vida.
Estranhas circunstâncias juntam o garoto que quer esquecer o passado e a garota que não consegue enfrentar o futuro. Tendo o mundo contra eles, esses dois jovens, tão diferentes um do outro, embarcam numa viagem alucinante que não só vai mudar a vida de ambos, como pode até lhes custar a vida.
Infinito + um é uma história sobre fama e fortuna, sobre privilégios e injustiças, sobre encontrar um amigo por trás da máscara de um estranho — e sobre descobrir o amor nos lugares mais inusitados.

Metas de leitura

0
COM

Nos últimos anos deixei meio de lado as metas de leitura, por não querer me frustrar no final vendo que não li o tanto quanto gostaria. Mas não deixei de organizar os livros adquiridos, lidos, lendo e desejados no skoob. É uma estante virtual incrível e eu atualizo a minha a cada leitura.

Em 2017 consegui me superar, aos trancos e barrancos, com 33 leituras concluídas (e outras tantas abandonadas). Como não tenho obrigação nenhuma com as leituras, me dou ao luxo de continuar apenas com aqueles que me prendem naquele momento, deixando os demais para uma outra hora. E quantos livros incríveis!!!!!


A Colleen Hoover me encantou, viajei pelo mundo das Almasnovas, ri demais com a Sophie Kinsella, me derreti com a Jennifer E. Smith, chorei com Mil beijos de garoto e com Beleza perdida, torci pela garota online... foram páginas e mais páginas de muito amor e sorrisos.

Claro que não me apaixonei por todos, se tiver que não indicar algum, recomendaria não ler Eve e Adam, ou a saga Lux, foram entediantes.

Vou torcer para conseguir resenhar todos eles por aqui, mas com exceção dos últimos citados, recomendo demais cada um dos livros que li ano passado, já falei que são fantásticos? Uma delícia?

Se alguma alma viva (ou do além) ainda acompanha isso aqui, por favor, me indique mais algumas leituras apaixonantes! 
P.s: não precisa especificar em que plano astral você está ok? Eu tenho pesadelos... 

Mystery Box

0
COM
Imagem relacionada

Conheci um negocio bacaninha meses atrás, principalmente para quem ama brindes literários e não consegue encontrar na cidade: A Mystery Box. Testei inicialmente com a do Clube Skoob, pois foi onde conheci. Fiquei apaixonada pelas primeiras caixas, onde recebi marcadores, botons, uma blusa, uma Ecobag, velas aromáticas, canecas, estojos, necessaire e os livros. Maaaas, o valor da assinatura é alto e nem sempre vale a pena. É um tiro no escuro, você confia que os organizadores vão enviar produtos de qualidade e bastantes brindes para compensar o pagamento antecipado, e a caixa demora horrores para chegar. Isso acaba frustrando.

Por isso cancelei a assinatura por uns meses, mas continuei babando com as caixas seguintes... e assinei novamente, para cancelar de novo. A qualidade vai caindo e nem sempre gostamos do que recebemos, óbvio. Então, resolvi pesquisar se haviam outras caixas similares, e fiquei preocupada com o tanto que estou atrasada!!!! 

Sem querer fazer propaganda, pois não recebo uma balinha de ninguém para publicar aqui, mas já que é um espaço só meu 'mermu' e que talvez só eu leia isso, descobri o Estantismo, o Clube do Livros e Citações, o Turista Literário, Bem te li, Clube Alfarrabio, TAG Literária, e outros tantos clubes de assinatura literários. Fucei no Instagram e Facebook para ver as caixas anteriores, conferi os benefícios e valores, e acabei optando por experimentar o Estantismo e o Clube do Livros e Citações, que devem chegar em breve. Estou ansiosa pelas primeiras caixas e torcendo para valerem a pena, pois são mais baratas que a do Clube Skoob, e espero mesmo que mantenham a qualidade, isso sim fará com que os assinantes permaneçam fiéis. ^^

Abaixo, algumas das caixas e valores pagos:

Clube Skoob: mensalidade + frete = R$ 89,90 (por mês) + frete (17,90)  - Eu sempre assinei a caixa especial.








Estantismo: mensalidade + frete = R$ 69,90 (por mês) + frete (15,00)

A imagem pode conter: 4 pessoas

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Clube do Livros e Citações: mensalidade + frete = R$ 95,00 (por mês) + frete (grátis) - Esse valor é da caixa Babado que vem com dois livros, as fotos abaixo são de caixas mais baratas...

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Turista Literário: mensalidade + frete = R$ 71,90 (por mês) + frete (R$15,00 )

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Clube Alfarrábio:  mensalidade + frete = R$ 69,90 (por mês) + frete (variável )

Nenhum texto alternativo automático disponível.

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo

Clube Bem Te Li:  mensalidade + frete = R$ 69,90 (por mês) + frete (grátis)

Nenhum texto alternativo automático disponível.

A imagem pode conter: 1 pessoa



101 Coisas em 1001 Dias

0
COM


Vamos começar de novo?
A lista anterior encerrou em 04/04/2016, e fiquei surpresa com a quantidade de coisas que consegui fazer. ^^
Ter metas ajuda bastante a aproveitar nosso tempo!
Tomara que eu consiga definir as 101 coisas até o fim do ano...

Início: 17 de novembro de 2017
Término: 14 de Agosto de 2020 (dia do aniversário da minha maNinha! \o/ )

Status das metas: 
Não começou: 00/101 
Em andamento:  00/101 
Finalizadas com sucesso: 00/101
#desisto: 0/101 

Legenda: 
Não começou 
Em andamento 
Finalizadas com sucesso
#desisto

01 - Retomar o projeto "01 foto por dia" (postadas no Instagram)
02 - Comprar/Construir minha casa
03 - Ajudar a construir a de mainha (começou a reforma em 15/01/2018!)
04 - Tirar a CNH
05 - Refazer a associação com a AABB
06 - Tirar os sisos
07 - Trocar o meu cel e do Héverton (Chegaram em dezembro/2017)
08 - Fazer cadastro na Eudora/Natura para Lívia
09 - Conhecer um novo estado
10 - Ir à Caldas Novas 
11 - Acampar com o Eric (fora do Riachão)
12 - Comprar um guarda roupa para mainha
13 - Decorar a agência do INSS para o natal (Concluída em 19/11/2017)
14 - Postar no Blog ao menos uma vez por semana por um ano
15 - Fazer a festa de 2 anos do Eric para nós 3
16 - Trocar o carro
17 - Fazer uma viagem internacional
18 - Ir a Fortaleza
19 - Ir a Guarulhos
20 - Ler 30 livros em 1 ano (02/30 em 11/01/2018)
21 - Aprender a ler em inglês
22 - Revelar 200 fotos
23 - Dar um trato no meu cabelo
24 - Fazer um book com o Eric
25 - Aprender a nadar
26 - Fazer uma pós
27 - Ajudar mainha a ter uma renda própria
28 - Solidificar as revendas em Itapuranga para ter ao menos 1 salário mínimo extra mensal
29 - Entrar para o clube de desbravadores
30 - Fazer os projetos do PEP em Itapuranga
31 - Iniciar o tira-dúvidas previdenciário na rádio
32 - Registrar todas as missões em fotografias
33 - Ajudar um desconhecido
34 - Manter a poupança com depósitos mensais de no mínimo R$ 200,00
35 - Manter a poupança do Eric com depósitos mínimos de R$ 60,00
36 - Comprar uma câmera melhor
37 - Levar o Eric ao fonoaudiólogo para acompanhamento (não precisou)
38 - Tirar um dia de passeio com Eric e Héverton
39 - Fazer um piquenique
40 - Fazer um dia de natal com Eric e Héverton
41 - Ir na Bienal do Livro
42 - Ir ao Sana
43 - Montar uma maleta make para Lívia
44 - Passar um fim de semana totalmente offline a cada 2 meses
45 - Não comer doces por 1 semana a cada bimestre 
46 - Fazer ao menos 1 projeto DIY a cada 6 meses
47 - Organizar as estantes de livro
48 - Montar novas prateleiras de caixote no depósito
49 - Doar roupas e calçados não utilizados
50 - Assinar ao menos 1 mystery box literária por mês (Skoob/Estantismo/Clube do Livros e Citações)
51 - Fazer um jantar para meus pais e sogros 1 vez ao ano
52 - Destralhar a casa com força a cada 6 meses  (feito em Janeiro/2018)
53 - Voltar a ser professora dos adolescentes na IASD 
54 - Ler um livro em inglês
55 - Doar os livros que não quero
56 - Começar a praticar Yoga ou Pilates
57 - Corrigir minha postura
58 - Fazer um amigo (a) virtual (forever alone)
59 - Comprar 5 jogos de tabuleiro
60 - Acampar no Riachão 
61 - Ter um planner
62 - Me dar um suuuuper presente de aniversário por ano
63 - Levar Eric ao zoológico
64 - Trocar o notebook
65 - Comprar a placa de video do PC
66 - Colocar aparelho para tentar arrumar os dentes
67 - Colocar Eric em uma boa escola
68 - Treinar os funcionários do Vapt Vupt
69 - Fazer um amigo secreto
70 - Conhecer Gramado
71 - Trabalhar em Brasília por ao menos 3 semanas até o fim do projeto
72 - 
73 -
74 -
75 -
76 -
77 -
78 -
79 -
80 -
81 -
82 -
83 -
84 -
85 -
86 -
87 -
88 -
89 -
90 -
91 -
92 -
93 -
94 -
95 -
96 -
97 -
98 -
99 -
100 -
101 -


Quer fazer uma também?
Calculadora do tempo aqui: Link
Comente suas metas e como está realizando-as!

Leituras

0
COM


Devagarinho vou retomando meu melhor método para relaxar...
Estou num momento em que a leitura precisa me fisgar de vez ou não consigo continuá-la. =/

Ao lado da cama, três espaços cheios de livros selecionados, mas o tempo é curtinho para terminar tudo rápido, então vamos ao nosso tempo né? O Kindle ajuda muito nessas horas, já que ultimamente tenho lido mais na hora de dormir, e uma vez que o Eric dorme no mesmo quarto que eu não dá pra manter a luz acesa para ler os livros impressos. Foi com ele (Kindle) que consegui ler os livros acima, revezando a leitura com os impressos dos mesmos títulos... eu amo sentir os livros, não nego.

Estou evitando ler outros blogs, pois sei que fico tentada demais a comprar todos os livros indicados, as opiniões e resenhas sempre me deixam curiosa e isso é algo perigoso agora que consegui me controlar. Para quem comprava livros todos os meses, caixas e caixas deles, conseguir me limitar a alguns poucos em datas como aniversário ou fim de ano é uma vitória (quando não se pode gastar sem medir).

Terminei "O orfanato da Srta. Peregrine para crianças peculiares", li "Perdida" que queria taaaanto, me surpreendi com "Predestinados" (Cadê a continuação??? Publiquem aqui, please!!!). Li "Não pare", a história do Bast em "O príncipe de Westeros e outras histórias"...

Comecei a ler "O lado mais sombrio", muito bom, mas acabei emperrando do meio pro final.

Aos poucos a lista de "não lidos" diminui. ^^

Tempo para si?

0
COM



Opa! Ó eu aqui de novo!

Como muitas pessoas, sempre ansiei pelo dia em que teria o tão sonhado trio: Tempo - Disposição - Dinheiro. Mas os anos passam e a gente começa a notar que precisamos forçar para que este trio aconteça em nossa vida.

Antes, o tempo e o dinheiro não existiam pois precisava conseguir minha vaga no serviço público. Agora, continuo sem tempo (e praticamente sem dinheiro) pois ele é todo utilizado para fora de mim, dividido entre trabalho, casa, filho, obrigações e responsabilidades. Ler meus amados livros? Só se a insônia me pegar de jeito e eu não estiver com energia suficiente para arrumar a casa de madrugada.

Mas não é reclamando que eu consigo resolver isso certo?
Então vamos criar vergonha e sair das redes sociais por meia hora para domar os cabelos? Para aprender a usar base para corrigir as manchas no rosto (Eeeeu? Que corria de maquiagens?) Para fazer a cobertura maravilhosa para aquele bolo de padaria?
Funciona!
Nunca encontrei tempo para nada, mas com a chegada do Eric me forcei para isto. Preciso curtir cada minuto com ele, pois temos quase nada do dia para isso. Preciso cuidar para que as roupas dele estejam limpas e organizadas, para que os brinquedos voltem para o depósito deles quando ele dorme, para que o chão da casa esteja bom o suficiente para que ele não corra tantos riscos, para que ele saiba que quando a mamãe está em casa é para brincar com ele e cuidar para que fique bem. Mas e eu? Aproveito os minutos de sono dele para tentar completar todo o resto. São pouquíssimos minutos, mas fazem a diferença. E não adianta dizer que não tem tempo, pois vejo milhares falando isso e desperdiçando os raros momentos na internet, não que isso seja proibido, só não esqueça que você pode tirar uns minutos de hoje para cuidar de você. A internet vai continuar disponível amanhã, seu descanso e cuidados de hoje não valem a espera?

Comecei a fisioterapia, despertei a vontade de começar Yoga, continuo lendo (devagar e sempre), comecei a aprender a usar base para o rosto e estou louca de vontade de aprender a usar sombra (olha ela!!!), continuo gostando da casa arrumada, mesmo que isso me tire do sério às vezes... não tenho auxiliar, então lavo pratos, roupas, dobro e guardo tudo, lavo casa, arrumo camas, cuido das coisas do Eric, pago contas, faço compras... tudo isso ainda trabalhando as 8h por dia, brincando com meu pequeno nas outras... é uma loucura, mas que muitas guerreiras fazem diariamente. Vamos sorrir e lutar hoje novamente?

Só peço a Deus muita saúde e muuuuuitos anos de vida para continuar.

Dicas para mães de primeira viagem - 1 - Gravidez

1
COM


Ooooi!

Para quem está planejando ter ou está esperando seu bebê pela primeira vez, aprendi algumas coisas que me ajudaram e acredito que possa auxiliar mais alguém. (Não custa nada dividir experiências)


  1. Cuidem da saúde. Isso é o mais importante, óbvio. Não apenas pela nova vida que carregamos com a gente, mas por nós mesmas. Ajuda a diminuir os desconfortos da gravidez, que não são poucos. Alimentem-se direito, não usem a desculpa da gravidez para fazer todos os seus gostos e vontades, precisamos pensar pelo pequeno ser que depende inteiramente de nós.
  2. Pesquisem. Informem-se sobre tudo o que puderem, desde os sintomas que temos durante a gestação até sobre como será após o parto. Para mim, ajudou demais estar preparada psicologicamente para o que vinha. Muitos blogs, consultas médicas, sites e vídeos esclarecendo e guiando foram fundamentais para que eu mantivesse minha ansiedade controlada.
  3. Adiantem o que puderem. Aquela história de 'amanhã eu faço' não funciona durante a gravidez e no pós parto. Não precisa sair como louca fazendo tudo num dia só, mas aproveitem os dias em que estiverem mais dispostas para fazer o que falta. Preparem o enxoval com antecedência, chá de bebê, quarto do neném, o que levar para a maternidade, o que vai precisar nos primeiros meses após o parto, limpeza da casa... Para quem não tem a chance de uma secretária/empregada/babá por conta de tudo, aproveitar o tempo para manter tudo em ordem é importantíssimo!
  4. Economizem. A não ser que vocês tenham uma fonte imensa de renda, tentem focar no que é indispensável. Sei que a vontade é de comprar e fazer tudo por nossos bebês, mas eles geram muitas despesas e sempre acontecem imprevistos, então não comprometam todo o orçamento nem façam dívidas.
  5. Relaxem. Nossa mente e nosso corpo tem limites, e precisamos respeitá-los, ou nossos pequenos (as) ficarão sem a mãe para cuidar deles. Aceitem ajuda de outras pessoas, conversem com seus maridos (se eles estiverem presentes), façam algo que gostam nas horas em que estiverem em casa, ou quando o neném estiver dormindo depois que ele nascer. Sempre falam para dormir todas as vezes que o bebê dormir, para quem consegue isso, parabéns! Mas não é meu caso, há dois meses que durmo cerca de 3-4 horas por dia, parceladas em intervalos de meia hora a 1h. No restante do tempo, ou estou organizando as coisas em casa, ou tentando relaxar para ver se durmo (ainda não consegui achar o botão de desligar...)
  6. Tenham paciência. Sei que durante a gestação viramos uma bomba de hormônios, mas isso não é desculpa para soltar os cachorros em todo mundo quando tiver vontade. Quando algo estiver te irritando, respire fundo e saia de perto. Se não der, pense no seu baby. O sorriso do meu pequeno renova todo o meu estoque de paciência.
  7. Entendam que ninguém nasce sabendo tudo. E ninguém é dono da verdade. Nós aprendemos a ser mães e pais com nossos pequenos, e erraremos com eles, assim como todo mundo. Não se culpe por isso, apenas se esforce para não cometer o mesmo erro. Também não discutam com todo mundo que vier te dando conselhos, as outras pessoas farão isso o tempo todo. Mais um teste de paciência pra mim, mesmo com a vontade enooorme de dar umas respostas 'delicadas', tento lembrar do 'uhun'. Você pode dizer que entendeu, ou OK, e fazer como VOCÊ acha que deve ser feito. Com o tempo a gente aprende que não somos de ferro e ficamos um pouco mais humildes.
  8. Curtam cada minuto da gravidez e do bebê. Cada dia e mês que passar não vai voltar para você viver novamente. Aproveite bastante.